Historial

logo logoPor empenho de um grupo de jovens da Ribeira de Fráguas, são lançadas, no ano de 1991, várias Iniciativas visando a fundação do Rancho Folclórico da Ribeira de Fráguas.
Após as primeiras recolhas de modinhas e trajes, todas efectuadas na freguesia, dá-se início aos ensaios preliminares, ainda em 1991. Em Maio de 1992 o Rancho foi legalizado através de acto notarial.
Durante o ano de 1999, conclui-se o trabalho de pesquisa no sentido de fazer alterações aos trajes, com o intuito de lhes dar mais autenticidade. Em 2000, o Rancho compra a sua sede, uma casa do princípio do século XX, no lugar da Igreja, situado na sede da freguesia.
No mesmo ano, é instituído no seio do grupo o Núcleo de Recolhas Etnográficas, com o objectivo de se proceder ao levantamento do património etnográfico material e imaterial, existente na freguesia.
No ano de 2001, por ocasião do 9º Festival Nacional de Folclore, o Rancho organizou a sua 1ª Mostra Etnográfica. Por forca do sucesso alcançado na primeira edição, foi decidido converter a Mostra Etnográfica em Bienal, o que efectivamente aconteceu até à inauguração da Casa-museu. Neste evento, ímpar na região aveirense, têm sido expostos vários trajes antigos, alfaias agrícolas e outros artefactos usados ​​quotidianamente pelos nossos antepassados.

024

1ª Mostra Etnográfica

No ocaso da Primavera de 2007, a nossa associação etnográfica recebeu um honroso convite do Museu Municipal de Vale de Cambra com o intuito do Rancho participar com trajes na exposição permanente que decorreu no referido museu subordinada ao tema, “Ao Campo te levo, à festa te trago “.
Corria o Verão de 2009, quando o Rancho conseguiu pela primeira vez trazer à freguesia, grupos folclóricos oriundos do estrangeiro, concretamente da Itália e da Croácia, Estes grupos actuaram perante vasta assistência na eira da sede do Rancho em ambiência nocturna, Situação que muito agradou aos grupos convidados e população.
Em parceria com o Arquivo Municipal de Albergaria-a-Velha foi inaugurada no dia 18 de Fevereiro de 2011, uma exposição fotográfica intitulada, “Tempo de Memória”. Um Trabalho do Núcleo Etnográfico do nosso Rancho.

SAM_0252

Exposição “Tempo de Memória”

Na Primavera de 2011 o Rancho lança o seu primeiro registo videográfico, um DVD com todas as suas modinhas.

001

Desde 7 de Novembro de 2011, que o Rancho Folclórico da Ribeira de Fráguas é Sócio Efectivo da Federação do Folclore Português

fotos 18-12 239

Cerimónia de adesão à Federação

No dia 16 de Abril de 2012 procedeu-se à Inauguração da sede social, após esta ter sido alvo de um profundo restauro. No mesmo dia foi aberto ao público o espaço museológico.

SAM_0741

Inauguração da Sede Museu

A Primeira Internacionalização do Rancho, ocorreu em Dezembro de 2013, pois foi convidado para actuar em Ramirás, Ourense, Espanha.

SAM_2792

Actuação em Espanha

Em Março de 2013 o Rancho publicou um livro intitulado “Vinte ano Não São nada”, uma viagem escrita e fotográfica pelos 20 anos de existência da colectividade.

livro

Um dos objectivos do Rancho, a divulgação da etnografia, foi alcançado em Setembro de 2014 com a inauguração do Parque de Moinhos, três exemplares recuperados da ruína, que são um exemplo na defesa do nosso património etnográfico.

SAM_3538

Inauguração do Parque dos Moinhos

Anúncios